Como cultivar orquídeas em seu jardim

As orquídea não cresce bem em vasos ou recipientes, É muito denso e não drena bem o suficiente. A maioria das orquídeas cresce no ar livre, para que assim as raízes possam se expandir. As muitas opções de materiais para vasos de orquídeas disponíveis podem torná-lo confuso, então vamos te ajudar hoje com isso para que você possa ter o melhor cultivo de orquídeas para seu jardim.

orquídeas

Use Partes de tijolo e paralelepípedos

Pedaços de tijolos que podem adicionar peso e estabilidade a vasos de orquídeas, como os pedaços de tijolos podem ser pesados, é melhor escolher peças menores. Este material retém água e pode aumentar a umidade para as orquídeas.


Os paralelepípedo também pode ser usado como âncora para o fundo de um vaso de orquídeas. O paralelepípedo é pequeno e irregular, por isso ajuda as orquídeas em seus vasos, como as dendrobiums (Orquídea olhos de boneca), a ficarem na posição vertical. No entanto, o paralelepípedo não retém água, então você precisará melhorar as propriedades de drenagem para sua mistura de orquídeas.

Serragem e fibras de fruta

serragem

A serragem e o meio fibroso da fruta, pode ser usadas sozinhas ou em uma mistura personalizada. Lascas de casca são um recurso renovável. Eles retardam o processo de decomposição de cavacos, o que permite a máxima circulação de ar para as raízes das orquídeas.

Cortiça

Cortiça

A cortiça é de origem vegetal da casca dos sobreiros, leve e com grande poder isolante, você deve conhecer se já tiver aberto uma garrafa de vinho. Para a mistura perfeita de orquídeas, você pode combinar a cortiça de derramamento de água com musgo de esfagno absorvente de água ou casca desfiada. Lascas de cortiça maiores fornecem muitos lugares para as raízes das orquídeas expandirem.

Pedra-pomes

Pedra-pomes

A pedra-pomes é amada por sua capacidade de polir a pele áspera. No entanto, esta rocha vulcânica também pode ser usada como meio inorgânico para o cultivo de orquídeas. É poroso e pode reter até 50% do seu peso em água. Também é muito leve, por isso não sobrecarregará sua planta.

Lã mineral

A lã mineral, também conhecida como Mineral wool, é uma fibra semelhante ao algodão feita de giz e basalto. Pode ser comprado nas melhores lojas de jardinagem ou até de forma online. A melhor coisa sobre a lã mineral é sua incapacidade de se decompor em misturas de vasos para a orquídeas. No entanto, você precisará equilibrar a alcalinidade dos cubos de lã mineral com ingredientes orgânicos, como casca ou turfas.

Casca triturada

A casca triturada é retirada de árvores como abetos, cedros e ciprestes. É um material comum em vasos de orquídeas, principalmente em viveiros e floriculturas para iniciantes.

À medida que é quebrada, a casca acidifica a mistura da orquídea. Também é apreciado por seu aroma agradável e aparência natural. Orquídeas cultivadas em meios de casca podem exigir replantio de um local para outro todos os anos.

Isopor

Foto: youtube.com/@MarydeSouza

O isopor pode ser um bom meio para orquídeas que precisam prosperar durante os períodos de secas. Flocos de isopor são uma boa opção para o cultivo de orquídeas. Eles também podem ser reciclados como material de embalagem comum. O Aerolite é um produto especial de isopor feito para plantas epífitas, como orquídeas.

Vermiculita

Vermiculita

As lojas de jardinagem costumam vender vermiculita, que pode ser encontrada em uma variedade de aditivos para vasos. Você também pode encontrar vermiculita em misturas de terra para vasos prontas. Aparece como pequenas partículas do tamanho de cascalho.

Este mineral claro é bom para reter nutrientes e água. A vermiculita também pode ser usada para arejar uma mistura de envasamento. A vermiculita pode ser combinada com musgo esfagno para fazer uma mistura de orquídea leve e úmida.

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem